sexta-feira, 26 de fevereiro de 2016

As revistas da sala de espera

Todo consultório de dentistas (não só de dentistas) tem uma sala de espera. Salas de espera geralmente têm revistas, raramente revistas atuais, quase sempre são revistas com noticias antigas, falando de romances já acabados, cobrindo festas que já estão no esquecimento, revelando escândalos que nem são mais tão escandalosos assim e uma porção de matérias que servem apenas para tornar o momento na sala de espera, um pouco menos entediante. O objetivo é tornar a espera mais agradável. 

Um fato inquestionável é que ninguém marca uma consulta no dentista para ler a revista Caras da sala de espera, tanto que, uma vez chamado, todo o paciente deixa a revista de lado e vai cumprir o propósito que o levou até o consultório. 

Definitivamente ler revistas da sala de espera não é o objetivo. Precisamos entender que este mundo é uma sala de espera. Tudo o que vemos, experiências que passamos, coisas que conquistamos, realizações que alcançamos, tudo isso funciona como revistas.

Tudo isso foi feito para aproveitarmos, mas sem jamais nos esquecer que nosso propósito não é ler revistas. Não estamos neste mundo para admirar realizações e correr desenfreadamente atrás de sucesso. Nosso propósito é permanecer atento. Assim como um dentista chama seu paciente, Cristo também nos chamará em breve. Da mesma forma que um dentista não quer que seus pacientes digam: "Agora não dá pra eu levantar daqui, eu preciso terminar de ler esta matéria", Cristo também não quer lhe ouvir dizendo que não quer ir até onde Ele está, porque ainda não acabou de completar suas construções, não passou pelos lugares que queria e nem conheceu as pessoas que gostaria.

Lembre-se: Aproveite as revistas, mas não se apegue demais a elas. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...